5 de set de 2014

Digital não é um departamento; é uma maneira de pensar.

Drew McLellan, um cabeção do digital nas gringas, escreveu um artigo bem legal e resolvi compartilhar com vocês.

As empresas, não somente agencias (que fique claro), estão aprendendo e construindo uma integração do digital dentro do tradicional marketing aplicado antigamente.

Isto não significa que não existam erros sendo cometidos diariamente, pois esta é uma lição a ser aprendida de forma empírica em muitos casos. E deslizes podem acontecer em qualquer organização, até nas de maior prestigio como o The New York Times.

E por este motivo, o The New York Times, que este artigo foi criado.

Há um tempo, acho que pelos idos de 2010, o NY Times deixou na rede alguns documentos sobre a nova interface do portal deixando claro que era moderninho e estava ligado no digital.

Bacana esse posicionamento, mas ainda hoje, o The NY Times, uma das mais importantes instituições jornalísticas do mundo, está lutando para criar uma integração digital adequada dentro de sua estrutura.

Essa informação foi dada pelo BuzzFeed, que teve acesso a um relatório interno da organização jornalística.

Então, o que isso pode ensinar para o resto do mundo?


Isso só torna mais claro que a combinação de mídia tradicional e digital não é fácil para qualquer empresa, e que até mesmo a mais prestigiada das organizações cometem erros comuns, incluindo o tratamento digital como algo que é separado - e muitas vezes secundário - do resto das operações.

Linhas divisoras
Ok, aposto que se chegou até este paragrafo já deve ter feito um rápido overview de empresas que inseriram o digital dentro do marketing. 

Você certamente percebeu que, embora muitas empresas tem no seu departamento, pessoas que se dedicam especificamente para as mídias digitais, ainda assim, é importante que todos os colaboradores desta empresa, independente do departamento que pertença, precisam pensar digitalmente.

Principalmente se este departamento for ligado a marketing, publicidade e criação em geral. Se eles estão focados em estratégia, criação, ou meios de comunicação, eles precisam saber o cenário digital e entender a cultura que permeia todo esse penso.

Por quê?
Porque digital não é um departamento. É uma maneira de pensar!


Lá no começo da era digital, quando se percebeu que dava para vender na internet, o marketing era usado como uma bandeira cool dos moderninhos e descolados, mas agora essa pose não cola mais: tem que saber integrar de forma orgânica. 

E não somente nas agencias (que tem a obrigação de estar pensando exaustivamente nessa integração harmoniosa), mas também as empresas que tem ou querem ter seus produtos e serviços expostos nas redes sociais e nos buscadores, por exemplo.

Momento óbvio
“... Falar que uma empresa de marketing faz digital é como dizer-lhes que os jornais têm escritores na equipe.”


Então...
A maioria dos clientes de agencias, as empresas, já percebeu pela sua própria rotina pessoal dentro da web, que existe um mix de canais e estratégias (incluindo as digitais) que podem comunicar de forma eficiente com os seus clientes, pois se comunica desta forma com eles.

E eles vão para as agencias com esta mentalidade, encontram equipes que não se conversam, pois o resultado acaba refletindo nas campanhas apresentadas e voltam para casa querendo resolver dentro de seus departamentos.

Eles sabem que a maioria dos potenciais clientes não fica mais apenas passeando em suas lojas físicas para comprar seus produtos/serviços.

Por experiência própria, já identificaram um padrão que é simples: os consumidores começam sua busca online e que a sua presença digital inteligente vai ajudar a fidelizar os clientes no início do ciclo de vendas.

E alguns até sabem de algumas ferramentas que fornecem relatórios muito profundos sobre o comportamento do cliente dentro dos canais digitais.

Projetando a estratégia da agencia
Como podem as agências integrar digital em suas estratégias tradicionais offline? Aqui estão três maneiras de fazer direito digital:

  • Integre o "departamento" digital com o resto da empresa. Separar diferentes disciplinas não apenas impede seus funcionários de se comunicar, mas também  impede de colaborar. Lembre-se, cada funcionário precisa ser digitalmente educado. Inicie o processo, permitindo que trabalhem juntos em um clima de harmonia para quem aprendam uns com os outros, aumentando o leque de ideias de estratégias, tanto online quanto offline.
  •  Participe de conferências digitais para se manter informado. Crie uma rotina de palestras de compartilhamento de conhecimento, frequentem fóruns de marketing digital e offiline para que desta forma cada membro da equipe aprenda algo novo.
  • Pense de forma holística. Evite criar oportunidades digitais artificiais. Em vez disso, deixe vir de forma natural. Mapeie o funil de vendas de um cliente, e identifique as oportunidades digitais e tradicionais que você tem. Então, construa um plano de marketing em torno delas.


Acabando com a Divisão Digital
Digital é a forma como os clientes e os seus clientes se conectar ao mundo. É por isso que "digital" não é um termo mais relevante. É simplesmente como as coisas são feitas na vida de seus clientes e em uma agência de sucesso. Percebem?



Se você e seus clientes estão indo para bater a concorrência, você precisa mudar a estrutura de sua empresa para acomodar o mundo digital. Isso significa acabar com a divisão entre o digital e o tradicional em favor de uma abordagem completamente integrada.

Não viva no passado, quando marketing digital era uma novidade. Torne o "digital" de suas campanhas e estrutura integrados  ao mundo moderno.


Mais informações
Página inicial